SITES QUE GERAM NEGÓCIOS: 6 CARACTERÍSTICAS INDISPENSÁVEIS |SITEMAP 05

Programa 05 do SiteMap – o seu guia para o marketing digital. O SiteMap é uma parceria entre a TRIGGER e a Mais Oeste Rádio, onde passa semanalmente às segundas-feiras (8:50, 12:20 e 17:45). Aqui pode aceder às versões audio e texto de todos os programas e subscrever o Podcast.

SITEMAP, PROGRAMA 5, 11 DE MAIO DE 2015

 Um bom website é um site que gera negócio. Period. Para o conseguir, há aspectos importantes que não pode dispensar. Conheça alguns deles.

 

TRANSCRIÇÃO INTEGRAL:

Sejam bem-vindos a mais um SiteMap, a vossa rubrica semanal sobre marketing digital.

Frequentemente, somos contactados na agência por clientes que têm um novo website e pretendem saber como podemos ajudá-los com o marketing digital. O problema é que quando analisamos o site, frequentemente ele deixa muito a desejar e condiciona fortemente as opções estratégicas.

Já o dissemos anteriormente mas reforçamos a ideia: o website também é marketing digital, trata-se de uma das suas componentes fundamentais. Se tem como objectivo monetizar a sua presença digital e manter todas as possibilidades em aberto, só podemos sugerir-lhe que confie o desenvolvimento do website a uma agência de marketing digital. Por dois motivos essenciais:

1. Uma agência não se limita a “fazer-lhe um site” – vai pensá-lo numa perspectiva de marketing e vendas tornando-o uma ferramenta para a obtenção de resultados. Vai estudar o seu negócio, identificar os objectivos a alcançar e o público-alvo a atingir. Só depois avançará com a estrutura, design, copywriting, SEO, analítica web etc.

2. Numa agência há o know how e a experiência necessários para satisfazer todas estas necessidades e para antecipar os passos seguintes de uma estratégia digital. Ou seja, o seu site não vai limitar-lhe as opções futuras.

Um bom website é um site que gera negócio. Period. Para o conseguir, há aspectos importantes que não pode dispensar. Conheça alguns deles:

1. USABILIDADE DE EXCELÊNCIA – ninguém tem tempo nem paciência, se o site for confuso o utilizador muda-se para a concorrência. É tão simples quanto isso.

2. DESIGN RESPONSIVO , ie, que se ajusta à visualização nos smartphones e tablets. Se precisa de um site novo ele só pode ser responsivo. E se o seu site actual ainda não é, deve pensar seriamente em criar um novo, especialmente agora que os sites “mobile fiendly” passaram a ser privilegiados pelo Google.

3. SEO, ou seja, Optimização para Motores de Pesquisa: encontrar um site não optimizado para as pesquisas é tão difícil quanto encontrar um agulha no palheiro. Para evitar isso, precisa de uma estratégia de SEO. Trata-se de um dos investimentos com maior recompensa.

4. BOM COPYWRITING – escrever para a Web é diferente. Na Internet as pessoas seguem um padrão de leitura em F, procurando o máximo de informação no menor espaço de tempo. O copy deve ser claro, criativo (mas sem excessos) e persuasivo.

5. CONTEÚDOS DE QUALIDADE – um site parado é um cadáver a prazo. Os utilizadores querem conteúdos de qualidade e actualizações frequentes. E o Google também. Os sites estáticos já eram.

6. ANALÍTICA WEB –para saber quem são e como se comportam os visitantes no seu site, precisa do Google Analytics instalado e correctamente configurado – isso vai permitir-lhe optimizar o desempenho e aumentar o retorno.

E por hoje é tudo, voltamos para a semana com mais um link sobre marketing digital.

Até lá, bons negócios!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.